Acordo com ICANN para instalar novo servidor raiz na região

28/03/2012

Acuerdo con ICANN para instalar nuevo servidor raíz en la región

Melhorando a conexão direta a Internet dos usuários e prestadores de serviços de Internet em toda a América Latina e no Caribe

Acordo com ICANN para instalar novo servidor raiz na região

Acordo com ICANN para instalar novo servidor raiz na região

O Registro de Endereçamento da Internet da América Latina e o Caribe (LACNIC) e a agência responsável pela administração dos domínios na Internet, a ICANN (Internet Corporation for Assigned Names and Numbers), concordaram em programar cópias do servidor raiz “L” na América Latina e o Caribe.

Este acordo vai permitir ampliar os trabalhos impulsionados pelo LACNIC na região na procura de que os usuários e provedores de serviços da Internet de toda a América Latina e o Caribe melhorem sua conexão direta à Internet, fortalecendo as possibilidades de uso das tecnologias em prol do desenvolvimento e do aumento da qualidade de vida das pessoas.

A instalação da cópia do servidor raiz “L” na região é possível graças ao acordo assinado entre o diretor executivo do LACNIC, Raúl Echeberría, e o CEO e presidente da ICANN, Rod Beckstrom, durante a 43ª reunião anual da agência responsável pela administração dos domínios na Internet que aconteceu em San José de Costa Rica entre os dias 11 e 16 de março.

“Estamos muito felizes de assinar este acordo com a ICANN, já que vai acarretar melhorias concretas na estabilidade e desempenho da rede em prol da comunidade da América Latina e o Caribe”, salientou o CEO do LACNIC.

O servidor L é um dos 13 servidores originais da Internet no mundo (havendo dez instalados nos Estados Unidos, dois na Europa e um no Japão) e é administrado pela ICANN. Uma limitação tecnológica impede que os servidores originais sejam mais de 13, pelo que foi desenvolvida uma técnica chamada “anycast”, que permite criar clones desses servidores raiz (chamados espelhos), os que uma vez operativos, não podem ser distinguidos dos originais.

O acordo com a ICANN permite ampliar o projeto +RAICES desenvolvido pelo LACNIC desde 2004, mediante o qual têm sido instaladas cópias de servidores raízes na America Latina e o Caribe para melhorar o acesso à rede no continente e contribuir de forma relevante para a estabilidade da Internet tanto na região quanto no mundo todo.

“O projeto +RAICES é um exemplo concreto dos esforços de colaboração multistakeholder na nossa região, no que são integradas organizações do setor público, privado, acadêmico, da sociedade civil e da comunidade técnica”, apontou Raúl.

Até hoje o +RAICES tem permitido concretizar na região a instalação de sete cópias no Chile, Argentina, Venezuela, Panamá, Equador, Haiti e St. Maarten.

Suscríbete para recibir las últimas novedades en tu mail Click here to subscribe receive the latest news in your inbox. Inscreva-se aqui para receber as últimas novidades no seu e-mail